Como foi meu primeiro outono canadense

Esse post está um pouco atrasado se vc considerar que o outono no Hemisfério Norte terminou no dia 21 de dezembro, mas antes tarde do que nunca, não é mesmo?

Esse teoricamente não é meu primeiro outono no Canadá e sim o meu segundo. Isso porque o pequeno período que fiquei no Canadá em 2015 englobou o outono e foi nessa época que eu descobri que tudo no outono gira em torno de abóboras! Sim, os restaurantes têm bebidas e comidas especiais envolvendo a abóbora, a maioria é muito gostosa e bem calórica, claro!

Mas sobre esse outono de 2019, devo dizer que ele me assustou um pouco! Simplesmente porque esse ano a neve veio mais cedo e eu não tinha imaginado um outono com neve, com muito frio sim, mas não com neve. A primeira neve da temporada 2019/2020 aqui em Toronto foi no dia 7 de novembro, mais de um mês antes do outono acabar. Claro que eu fiquei muito contente e besta enquanto todo mundo agia normalmente, como se nada fosse surreal e mágico.

Lembro de um dia do outono, antes da 1ª neve, que eu estava indo para o meu curso de metrô e daí o metrô parou de funcionar e todo mundo teve que pegar ônibus. Claro, que tava todo mundo irritado com isso, afinal ia demorar muito mais tempo de ônibus. Daí eu saí do metrô e estava nevando e eu fiquei imensamente feliz! Nem fiquei irritada com o metrô sem funcionar! Ver a neve caindo, bem pouquinho assim, mas caindo na cabeça das pessoas e grudando no cabelo, igual vemos no filme. Só que estava todo mundo de cara fechada, só eu sorrindo igual besta. A minha vontade era de gritar dizendo que era proibido ficar emburrado porque estava nevando e isso é mágico! Claro que eu não fiz isso porque se não todos me achariam doida, rsrs!

Fora a neve que veio mais cedo, eu realmente fiquei impressionada com as cores do outono. Sim, tudo laranja! As árvores, uma mais laranja que outra, algumas até vermelhas e outras amarelas. Eu fui fazer uma trilha curta com o meu cachorro (foto de capa do post) e fiquei impressionada com a mudança nas cores das árvores. É lindo ver como a criação de Deus muda ao longo do ano, a gente chega até a respirar fundo quando começa a refletir sobre tudo isso.

De maneira geral eu gostei muito do meu outono! Em 2015 eu fui em uma fazenda de abóboras e queria muito ter feito isso novamente esse ano, porque é um passeio muito legal.

View this post on Instagram

Pumpkin farm! #cold #pumpkin #farmlife

A post shared by Juliana Bragança (@julianapbraganca) on

Mas dessa vez eu estava trabalhando aos finais de semana e daí não consegui ir! E também nesse outono fizemos a nossa mudança, que ocorreu em partes, ou seja, foi mais demorado do que imaginávamos. Mas esse outono me mostrou outra coisa, me mostrou que eu vou precisar me acostumar a usar uma calça 2ª pele mesmo achando isso bem desconfortável, rsrs!

1 thought on “Como foi meu primeiro outono canadense”

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *